Início Formação Humana Um pouco sobre a timidez

Um pouco sobre a timidez

Timidez é uma atitude de reserva, acanhamento, que mostra a necessidade de se retirar, de se afastar de algo doloroso demais. Todos a vivem em algum momento. Funciona como um processo defensivo que permite à pessoa avaliar situações novas com cautela, na busca da resposta adequada para a situação.

O problema está quando a timidez vira corriqueira e se transforma num padrão de funcionamento, passando a reduzir a qualidade de vida, interferindo na expressão nos diferentes relacionamentos, especialmente quando precisa se expor em público.
A pessoa tímida, em geral, não gosta de ser como é. Ao mesmo tempo, busca e evita o contato com os outros. Tem baixa auto-estima e uma auto-imagem negativa, além de elevada auto-exigência. Tem poucos amigos, dificuldade para iniciar uma conversa, e grande preocupação com o que os outros pensam. Experimenta diversas reações corporais (como rubor, "frio na barriga" etc), além de sentimentos como vergonha, tristeza, ansiedade, frustração, insegurança, medos...

Muito sofrimento acompanha a pessoa tímida, mas trata-se de uma dificuldade possível de ser superada, com paciência, persistência, empenho e psicoterapia. Em alguns casos, pode ser importante o acompanhamento psiquiátrico. Aliás, paciência é algo difícil para quem é tímido, mas é um ponto importante de ser trabalhado. Não há como mudar imediatamente, por mais que se queira. Mudar leva tempo mesmo. E lutar contra isso mais prejudica e faz o comportamento perdurar. Aceitar e acolher o próprio processo, o seu tempo, a própria timidez, é um grande passo para a auto-segurança e, consequente, para a expressão diante dos outros. Associado a isso, é importante trabalhar a exigência. Sempre vamos falhar. O extrovertido também falha – e muitas vezes se atrapalha na sua expressão. Quanto mais licença se der para ser quem se é, mais à vontade se pode sentir no relacionamento com os outros. Quem sabe, aos poucos, se pode dar conta de que esse extrovertido desejado está dentro de si mesmo!

Fonte:  * Texto publicado no jornal Cidade leste, edição de março de 2012

 
Rádio Fraternidade
Campanha Dezembro

10%
Muito obrigado por
sua ajuda! Em dezembro
vamos concluir o
Tabernáculo de Deus! 
Pe.Ladislau Molnár. 

Pesquisa no Site
Mensagens da Bíblia
O que semeia pouco, pouco colherá; e o que semeia muito, muito colherá. (II Coríntios 9, 6)