Início Formação Humana Como lidar com o mau humor do adolescente

Como lidar com o mau humor do adolescente

Neste artigo serão mostrados dois pontos: pais lidando com o humor de seu filho e como o próprio adolescente deve lidar consigo mesmo, afinal, esta fase é muito complicada e chega sem aviso prévio.

É normal quando, do nada, o jovem passa a ficar mais emotivo ou mais agressivo, mas também é comum a família ou a própria pessoa se incomodar e estranhar esse novo comportamento, já que não é seu comportamento habitual. Mas fiquem tranquilos, tudo isso é passageiro.

Inicialmente, vamos entender porque isso ocorre:

Na puberdade, o que poucos sabem, é que o jovem passa por algumas alterações que ocorrem no cérebro. Tais alterações estão envolvidas com produção de hormônios, mudanças no comportamento, paladar, ações motoras (por isso os jovens tendem a ficar descoordenados durante a adolescência) e mudançãs emocionais.

Todo esse processo é natural, mas muitos pontos devem ser discutidos, portanto, tentaremos listar cada um deles e ajudá-los a lidar com essa fase tão imprevisível.

1- Pais: como lidar com isso?
Sim, você não está acostumado com esse comportamento, mas ele também não, essa fase é difícil para os dois. Mas um fato importante é que nesta fase ele está muito carente, então ele precisa de paciência e atenção, mas, é claro, não esqueça de impor limites.

A seguir, vamos analisar os principais aspectos para lidar com isso de uma forma saudável.

- Sempre tenha como base a conversa. Reserve um tempo de seu dia para sentar com seu filho e ouvir o que anda acontecendo com ele. Não o julgue e deixe que termine de falar, pergunte a opinião dele sempre que possível, assim se sentirá valorizado, e aconselhe. Lembre-se que a adolescência é a fase das descobertas, sendo assim, ele tem que errar e consertar sozinho para que aprenda com o erro. Nunca diga o que fazer, não mande, somente dê o conselho e deixe-o livre para que siga ou não.

- Fique atento. Às vezes, essa mudança de humor pode não ser somente esta mudança passageira que ocorre na puberdade, mas sim algo mais sério, como a depressão. A depressão atinge mais jovens do que se imagina, então fique atento a isso e dê os devidos cuidados.

- Dê muita atenção. Isso é o que ele mais busca: alguém que o escute, que o valorize, preste atenção em seus atos, o elogie e o aconselhe. Dar a eles a devida atenção pode fazer com que eles melhorem seus comportamentos, já que, muitas vezes, eles o fazem para se destacar de alguma forma e conseguir atenção.

- Sempre imponha regras e limites. Mesmo que o humor deles esteja associado à puberdade, não se deve deixar que certas coisas passem. Se ele elevar a voz com você, não é errado castigá-lo, mas atenção: não brigue, respire fundo e converse. E os castigos podem ser como ficar o resto do dia sem computador ou televisão, ou não poder sair no próximo convite dos amigos.

- Detalhes são importantes. Uma simples virada de olho ou uma resposta grosseira pode ser o fim do bom humor do adolescente, então repare os detalhes de seus próprios atos. Você tem que tentar ter sempre bom humor com eles, assim eles também o terão. Deve ficar atento se o motivo da raiva é algo que você pode ter feito que ele não gostou ou se é algum outro motivo. E não o deixe sobrecarregar, pode parecer desnecessário, mas ensine-o a dizer não e mostre que não se deve agradar a todos.

2- Jovens: como lidar consigo mesmo?
Essa fase é muito difícil para o adolescente também, tendo que lidar com mudanças no corpo, na mente, a explosão de hormônios e, principalmente, essa enorme confusão com os sentimentos. É a fase que mais se enfrentam decepções e tem mais descobertas, mas também não vamos nos esquecer dos bons momentos e das experiências, não é?

A seguir terão 6 dicas para tentar controlar isso e viver com mais alegria e menos estresse.

1. Faça alguma atividade física. É importante que você queime essa energia de alguma forma, e fazendo exercícios pode melhorar essas constantes alterações de humor, além de ser bom para a saúde.

2. Durma bem. Nesta fase tem duas coisas que podem acontecer: muito sono ou insônia. Então não durma durante o dia e, para garantir isso, se ocupe com atividades ou até mesmo um emprego, e tente, no mínimo, dormir 8 horas durante a noite.

3. Tenha uma alimentação saudável. É importante ter uma boa alimentação, comendo todos os nutrientes necessários e nos intervalos de tempo considerados saudáveis, mantenha uma boa dieta.

4. Gerencie bem seu tempo. Faça um plano para a sua rotina e seja organizado. Não pegue mais responsabilidades que aguenta, pois isso é uma coisa que irrita qualquer um, saiba dizer não de vez em quando. Outra coisa que pode ser feita também é o estabelecimento de metas, e ir atrás para alcançá-las, isso melhora o humor de qualquer um.

5. Trabalhe a paciência. Essa é uma questão fundamental, pois a maioria das coisas não podem ser adquiridas rapidamente e a pressa pode estragar tudo e fazer com que não consiga, ou até consiga, mas pela metade. A paciência é a chave para a conquista.

6. Tenha autocontrole. Para tudo na vida é necessário ter autocontrole, tanto em relação às emoções quanto comidas, bebidas, entre outros.

Seguindo essas dicas o humor em casa ficará melhor e todos passarão por essa fase sem mau humor, sempre felizes e saudáveis.

Fonte: Tatiana Ippolito

 

 
Rádio Fraternidade
Campanha Dezembro

10%
Muito obrigado por
sua ajuda! Em dezembro
vamos concluir o
Tabernáculo de Deus! 
Pe.Ladislau Molnár. 

Pesquisa no Site
Mensagens da Bíblia
Ele tomou sobre si as nossas enfermidades e levou as nossas doenças. (Mateus 8, 17)