Início Igreja Alerta de Jesus por meio da irmã Lúcia de Fátima aos católicos

Alerta de Jesus por meio da irmã Lúcia de Fátima aos católicos

Irmã Lúcia 2Ela o escreveu em carta de dezembro de 1940, tornada pública recentemente

A rmã Lúcia dos Santos teve a graça extraordinária, na infância, juntamente com os pequenos grandes São Francisco de Jesus Marto e Santa Jacinta de Jesus Marto, de presenciar as aparições de Nossa Senhora em Fátima e retransmitir ao mundo as suas mensagens.

Após se tornar religiosa, ela continuou a receber e a repassar pedidos e avisos de Maria e do próprio Jesus à humanidade. Entre eles encontra-se o conteúdo exposto na seguinte carta, transcrita pelo blog católico português Senza Pagare:

J.M.J.

Tuy, 1-12-1940

Revmo. Senhor Padre Superior,

Muito obrigada pela carta que fez o favor de me escrever de Braga. Gostei muito da inspiração que teve para a renovação da consagração de todas as dioceses e freguesias ao Imaculado Coração de Maria. Isso é muito agradável ao nosso bom Deus e ao Coração da nossa tão querida Mãe do Céu.

Mas, apesar de tudo, o Coração do nosso bom Deus e da nossa boa Mãe do Céu continuam tristes e amargurados. Portugal, na sua maioria, não corresponde às suas graças, nem ao seu amor. Lamentam-se com frequência da vida pecaminosa da maioria do povo, mesmo daqueles que se dizem católicos praticantes. Mas sobretudo queixam-se muito da vida tíbia, indiferente e comodista da maioria do clero, religiosos e religiosas.

É pequenino, muito limitado o número das almas com quem se encontra no sacrifício e na vida íntima no amor. Estas confidências rasgam-me o coração, sobretudo por ser eu do número dessas almas infiéis. Nosso Senhor não se retrai de me aí pôr, mostrando-me a montanha das minhas imperfeições, que eu reconheço com imensa confusão.

Apesar de tudo isto, Nosso Senhor continua a comunicar-se à minha alma. Parece preocupado com a sorte de algumas nações e deseja salvar Portugal. Se me não engano, dizia-me Nosso Senhor na quinta-feira, às 11 da noite: Se o Governo português, em união com o Episcopado, ordenasse, para os próximos dias de carnaval, dias de oração e penitência, com preces públicas pelas ruas, suprimindo as festas pagãs, atrairiam sobre si e sobre a Europa graças de paz.

Se V. Rev.ª puder fazer alguma coisa neste sentido, aí vai, se para isso precisar fazer algum uso desta carta, o meu consentimento. Desculpe-me tanta maçada.

De V. Rev.ª ínfima serva,
Maria Lúcia de Jesus, R. S. D

 
Rádio Fraternidade
Campanha Junho

85%
Não fechamos a
Campanha no mês de
Maio. Precisamos de
sua ajuda para continuar
evangelizando!
Pe.Ladislau Molnár.

Pesquisa no Site
Mensagens da Bíblia
Mas, em todas as coisas somos mais que vencedores, em virtude daquele que nos amou. (Romanos 8, 37)